Blog Empório

Leias nossos artigos e novidades

Dicas para não cair nas Fake News

Por: Gabriela Vilhena
Em: 27 de novembro de 2019

Quanto mais a internet cresce, mais difícil fica reconhecer as fake news que aparecem por aí. Seja em apps de mensagem ou em sites “confiáveis”, você sabe reconhecer as notícias falsas? Pode ser bem difícil em alguns casos, mas muito simples em outros. Pra te ajudar a estar sempre ligado na verdade, reunimos algumas dicas por aqui que não te deixam acreditar em nenhum boato espalhado.

 

  • Quem disse?

Principalmente nas redes sociais, é comum ver notícias escandalosas que não dão detalhes sobre nenhuma das informações. Vale desconfiar dos textos que falam sobre fatos sem citar fontes, e é preciso ser bem crítico nessas horas. Procure saber mais. “Quem disse?” e “Quais são as provas?”, por exemplo,  são perguntas básicas em qualquer anúncio.

 

  • Pesquise no Google

Depois de ler uma notícia como essa citada (sem fontes), ou até algo muito escandaloso, o ideal é que você busque por ela no Google ou em outros portais de notícias. Vale digitar o nome de uma das pessoas envolvidas, ou uma palavra-chave. Caso nada relacionado apareça, desconfie de que aquela informação pode não ser tão verdadeira assim.

 

Person Holding Smartphone While Sitting

 

  • Sites Confiáveis

Podemos dizer que os veículos de comunicação maiores podem ter uma preocupação maior com notícias falsas. Por uma questão legal, ou de credibilidade os jornais mais conhecidos acabam publicando o que foi checado mais vezes. Por isso, sempre que encontrar uma notícia fora do comum de um site pouco conhecido, digite no Google e procure por uma revista ou outro veículo mais popular. 

 

  • Procure mais de um portal

Mesmo lendo sites confiáveis, pode ser que algum deles não esteja com a informação completa. Na dúvida, busque a notícia em vários jornais. Uma boa ideia é utilizar apps como o Google Notícias e o Flipboard. Lá estão reunidos vários portais de notícias diferentes, e dá pra encontrar facilmente informações verídicas.

 

E aí, gostou do nosso post? Conta pra gente se já acreditou em alguma fake news que rolou por aí e depois descobriu a verdade.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *